quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Enxertando um cacto


Aqui dicas e fotos do passo a passo de como enxertar um cacto.

Primeiro passo é escolher as plantas: o cacto e os cavalos.

Escolhi o cacto tipo Pitaya para cavalo. Fiz testes com outros é este foi o mais fácil de trabalhar.
Dica: escolha como cavalo cactos lisos, pois é bem mais fácil de manusear.

Escolhas cactos proporcionais aos cavalos. Cactos grandes demais não são bons para isso.


Agora é hora de trabalhar!
Use uma lâmina bem afiada. Eu usei uma faca.
Faça um corte único (não serre, pois fica cheio de relevos é isso atrapalha).
Primeiro um corte no topo, depois faça outros cortes nas laterais (veja na foto o corte dos triângulos) deixando a parte de cima um pouco menor ou igual ao cacto a ser enxertado.


Um pouco de teoria...
Qdo fazemos os cortes vemos um anel. Se chama anel vascular.
Este garante o transporte dos nutrientes pela planta.
É importante:
- o anel do cacto não ser muito maior q o do cavalo. No mínimo igual.
- os anéis devem se encontrar para q o enxerto seja bem sucedido. Não precisa ficar 100% perfeito... mas precisam pelo menos de uma boa parte de intersecção.


Olha q legal... abaixo uma foto de um cavalo com mais idade q as da foto acima.
Fiz o primeiro enxerto e tem mais um anel vascular! Como a planta é mais velha já tinha uma ramificação. Foi onde cortei e achei este anel.


Finalmente a montagem!
Coloque o cacto sobre o cavalo.
Até "colar" eles precisam de uma ajuda.
Aqui eu usei a fita adesiva. (Dica: compre de uma boa marca... comprei um baratinho e não funcionou)
Vc pode usar elásticos, barbantes, ...
Achei um cara q usou cola... ainda não testei. Se vc tentar está opção, só cole em volta. Os aneis precisam colar naturalmente.


O trabalho de hoje...
Agora é deixar na sombra, e daqui pelo menos uma semana retirar a fita, e se tudo deu certo, já estarão cicatrizados.

Você pode gostar destas publicações

Faça seu site aparecer! Anuncie!